ATOS 16:31...Crê no Senhor Jesus Cristo e serás salvo, tu e a tua casa.

quarta-feira, 30 de novembro de 2016

O homem tem ciência das coisas da terra, mas a sabedoria é dom de Deus...

Jó 28:1 a 28
O homem tem ciência das coisas da terra, mas a sabedoria é dom de Deus
1  NA verdade, há veios de onde se extrai a prata, e lugar onde se refina o ouro.
2  O ferro tira-se da terra, e da pedra se funde o cobre.
3  Ele põe fim às trevas, e toda a extremidade ele esquadrinha, a pedra da escuridão e a da sombra da morte.
4  Abre um poço de mina longe dos homens, em lugares esquecidos do pé; ficando pendentes longe dos homens, oscilam de um lado para outro.
5  Da terra procede o pão, mas por baixo é revolvida como por fogo.
6  As suas pedras são o lugar da safira, e tem pó de ouro.
7  Essa vereda a ave de rapina a ignora, e não a viram os olhos da gralha.
8  Nunca a pisaram filhos de animais altivos, nem o feroz leão passou por ela.
9  Ele estende a sua mão contra o rochedo, e revolve os montes desde as suas raízes.
10  Dos rochedos faz sair rios, e o seu olho vê tudo o que há de precioso.
11  Os rios tapa, e nem uma gota sai deles, e tira à luz o que estava escondido.
12  Porém onde se achará a sabedoria, e onde está o lugar da inteligência?
13  O homem não conhece o seu valor, e nem ela se acha na terra dos viventes.
14  O abismo diz: Não está em mim; e o mar diz: Ela não está comigo.
15  Não se dará por ela ouro fino, nem se pesará prata em troca dela.
16  Nem se pode comprar por ouro fino de Ofir, nem pelo precioso ônix, nem pela safira.
17  Com ela não se pode comparar o ouro nem o cristal; nem se trocará por jóia de ouro fino.
18  Não se fará menção de coral nem de pérolas; porque o valor da sabedoria é melhor que o dos rubis.
19  Não se lhe igualará o topázio da Etiópia, nem se pode avaliar por ouro puro.
20  Donde, pois, vem a sabedoria, e onde está o lugar da inteligência?
21  Pois está encoberta aos olhos de todo o vivente, e oculta às aves do céu.
22  A perdição e a morte dizem: Ouvimos com os nossos ouvidos a sua fama.
23  Deus entende o seu caminho, e ele sabe o seu lugar.
24  Porque ele vê as extremidades da terra; e vê tudo o que há debaixo dos céus.
25  Quando deu peso ao vento, e tomou a medida das águas;
26  Quando prescreveu leis para a chuva e caminho para o relâmpago dos trovões;
27  Então a viu e relatou; estabeleceu-a, e também a esquadrinhou.
28  E disse ao homem: Eis que o temor do Senhor é a sabedoria, e apartar-se do mal é a inteligência.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

Quinta carta, à igreja de Sardes...

Apocalipse 3:1 a 6
Quinta carta, à igreja de Sardes
1  E AO anjo da igreja que está em Sardes escreve: Isto diz o que tem os sete espíritos de Deus, e as sete estrelas: Conheço as tuas obras, que tens nome de que vives, e estás morto.
2  Sê vigilante, e confirma os restantes, que estavam para morrer; porque não achei as tuas obras perfeitas diante de Deus.
3  Lembra-te, pois, do que tens recebido e ouvido, e guarda-o, e arrepende-te. E, se não vigiares, virei sobre ti como um ladrão, e não saberás a que hora sobre ti virei.
4  Mas também tens em Sardes algumas pessoas que não contaminaram suas vestes, e comigo andarão de branco; porquanto são dignas disso.
5  O que vencer será vestido de vestes brancas, e de maneira nenhuma riscarei o seu nome do livro da vida; e confessarei o seu nome diante de meu Pai e diante dos seus anjos.
6  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

terça-feira, 29 de novembro de 2016

Jó sustenta sua integridade e sinceridade...

Jó 27:1 a 23
Jó sustenta sua integridade e sinceridade
1  E PROSSEGUINDO Jó em seu discurso, disse:
2  Vive Deus, que desviou a minha causa, e o Todo-Poderoso, que amargurou a minha alma.
3  Que, enquanto em mim houver alento, e o sopro de Deus nas minhas narinas,
4  Não falarão os meus lábios iniqüidade, nem a minha língua pronunciará engano.
5  Longe de mim que eu vos justifique; até que eu expire, nunca apartarei de mim a minha integridade.
6  À minha justiça me apegarei e não a largarei; não me reprovará o meu coração em toda a minha vida.
7  Seja como o ímpio o meu inimigo, e como o perverso o que se levantar contra mim.
8  Porque qual será a esperança do hipócrita, havendo sido avaro, quando Deus lhe arrancar a sua alma?
9  Porventura Deus ouvirá o seu clamor, sobrevindo-lhe a tribulação?
10  Deleitar-se-á no Todo-Poderoso, ou invocará a Deus em todo o tempo?
11  Ensinar-vos-ei acerca da mão de Deus, e não vos encobrirei o que está com o Todo-Poderoso.
12  Eis que todos vós já o vistes; por que, pois, vos desvaneceis na vossa vaidade?
13  Esta, pois, é a porção do homem ímpio da parte de Deus, e a herança, que os tiranos receberão do Todo-Poderoso.
14  Se os seus filhos se multiplicarem, será para a espada, e a sua prole não se fartará de pão.
15  Os que ficarem dele na morte serão enterrados, e as suas viúvas não chorarão.
16  Se amontoar prata como pó, e aparelhar roupas como lodo,
17  Ele as aparelhará, porém o justo as vestirá, e o inocente repartirá a prata.
18  E edificará a sua casa como a traça, e como o guarda que faz a cabana.
19  Rico se deita, e não será recolhido; abre os seus olhos, e nada terá.
20  Pavores se apoderam dele como águas; de noite o arrebata a tempestade.
21  O vento oriental leva-o, e ele se vai, e varre-o com ímpeto do seu lugar.
22  E Deus lançará isto sobre ele, e não lhe poupará; irá fugindo da sua mão.
23  Cada um baterá palmas contra ele e assobiará tirando-o do seu lugar.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

Quarta carta, à igreja de Tiatira...

Apocalipse 2:18 a 29
Quarta carta, à igreja de Tiatira
18  E ao anjo da igreja de Tiatira escreve: Isto diz o Filho de Deus, que tem seus olhos como chama de fogo, e os pés semelhantes ao latão reluzente:
19  Eu conheço as tuas obras, e o teu amor, e o teu serviço, e a tua fé, e a tua paciência, e que as tuas últimas obras são mais do que as primeiras.
20  Mas tenho contra ti que toleras Jezabel, mulher que se diz profetisa, ensinar e enganar os meus servos, para que se prostituam e comam dos sacrifícios da idolatria.
21  E dei-lhe tempo para que se arrependesse da sua prostituição; e não se arrependeu.
22  Eis que a porei numa cama, e sobre os que adulteram com ela virá grande tribulação, se não se arrependerem das suas obras.
23  E ferirei de morte a seus filhos, e todas as igrejas saberão que eu sou aquele que sonda os rins e os corações. E darei a cada um de vós segundo as vossas obras.

24  Mas eu vos digo a vós, e aos restantes que estão em Tiatira, a todos quantos não têm esta doutrina, e não conheceram, como dizem, as profundezas de Satanás, que outra carga vos não porei.
25  Mas o que tendes, retende-o até que eu venha.
26  E ao que vencer, e guardar até ao fim as minhas obras, eu lhe darei poder sobre as nações,
27  E com vara de ferro as regerá; e serão quebradas como vasos de oleiro; como também recebi de meu Pai.
28  E dar-lhe-ei a estrela da manhã.
29  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Jó repreende Bildade e exalta o poder de Deus...

Jó 26:1 a 14
Jó repreende Bildade e exalta o poder de Deus
1  JÓ, porém, respondeu, dizendo:
2  Como ajudaste aquele que não tinha força, e sustentaste o braço que não tinha vigor?
3  Como aconselhaste aquele que não tinha sabedoria, e plenamente fizeste saber a causa, assim como era?
4  A quem proferiste palavras, e de quem é o espírito que saiu de ti?
5  Os mortos tremem debaixo das águas, com os seus moradores.
6  O inferno está nu perante ele, e não há coberta para a perdição.
7  O norte estende sobre o vazio; e suspende a terra sobre o nada.
8  Prende as águas nas suas nuvens, todavia a nuvem não se rasga debaixo delas.
9  Encobre a face do seu trono, e sobre ele estende a sua nuvem.
10  Marcou um limite sobre a superfície das águas em redor, até aos confins da luz e das trevas.
11  As colunas do céu tremem, e se espantam da sua ameaça.
12  Com a sua força fende o mar, e com o seu entendimento abate a soberba.
13  Pelo seu Espírito ornou os céus; a sua mão formou a serpente enroscadiça.
14  Eis que isto são apenas as orlas dos seus caminhos; e quão pouco é o que temos ouvido dele! Quem, pois, entenderia o trovão do seu poder?
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

Terceira carta, à igreja de Pérgamo...

Apocalipse 2:12 a 17
Terceira carta, à igreja de Pérgamo
12  E ao anjo da igreja que está em Pérgamo escreve: Isto diz aquele que tem a espada aguda de dois fios:
13  Conheço as tuas obras, e onde habitas, que é onde está o trono de Satanás; e reténs o meu nome, e não negaste a minha fé, ainda nos dias de Antipas, minha fiel testemunha, o qual foi morto entre vós, onde Satanás habita.
14  Mas algumas poucas coisas tenho contra ti, porque tens lá os que seguem a doutrina de Balaão, o qual ensinava Balaque a lançar tropeços diante dos filhos de Israel, para que comessem dos sacrifícios da idolatria, e se prostituíssem.
15  Assim tens também os que seguem a doutrina dos nicolaítas, o que eu odeio.
16  Arrepende-te, pois, quando não em breve virei a ti, e contra eles batalharei com a espada da minha boca.
17  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer darei a comer do maná escondido, e dar-lhe-ei uma pedra branca, e na pedra um novo nome escrito, o qual ninguém conhece senão aquele que o recebe.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

sexta-feira, 25 de novembro de 2016

Bildade sustenta que o homem não pode, sem presunção, justificar-se diante de Deus...

Jó 25:1 a 6
Bildade sustenta que o homem não pode, sem presunção, justificar-se diante de Deus
1  ENTÃO respondeu Bildade, o suíta, e disse:
2  Com ele estão domínio e temor; ele faz paz nas suas alturas.
3  Porventura têm número as suas tropas? E sobre quem não se levanta a sua luz?
4  Como, pois, seria justo o homem para com Deus, e como seria puro aquele que nasce de mulher?
5  Eis que até a lua não resplandece, e as estrelas não são puras aos seus olhos.
6  E quanto menos o homem, que é um verme, e o filho do homem, que é um vermezinho!


http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

Segunda carta, à igreja de Smirna...

Apocalipse 2:8 a 11
Segunda carta, à igreja de Smirna
8  E ao anjo da igreja que está em Esmirna, escreve: Isto diz o primeiro e o último, que foi morto, e reviveu:
9  Conheço as tuas obras, e tribulação, e pobreza (mas tu és rico), e a blasfêmia dos que se dizem judeus, e não o são, mas são a sinagoga de Satanás.
10  Nada temas das coisas que hás de padecer. Eis que o diabo lançará alguns de vós na prisão, para que sejais tentados; e tereis uma tribulação de dez dias. Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.
11  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: O que vencer não receberá o dano da segunda morte.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

quinta-feira, 24 de novembro de 2016

Jó contesta que os ímpios muitas vezes, ficam sem castigo nesta vida...

Jó 24:1 a 25
Jó contesta que os ímpios muitas vezes, ficam sem castigo nesta vida
1  VISTO que do Todo-Poderoso não se encobriram os tempos, por que, os que o conhecem, não vêem os seus dias?
2  Até os limites removem; roubam os rebanhos, e os apascentam.
3  Do órfão levam o jumento; tomam em penhor o boi da viúva.
4  Desviam do caminho os necessitados; e os pobres da terra juntos se escondem.
5  Eis que, como jumentos monteses no deserto, saem à sua obra, madrugando para a presa; a campina dá mantimento a eles e aos seus filhos.
6  No campo segam o seu pasto, e vindimam a vinha do ímpio.
7  Ao nu fazem passar a noite sem roupa, não tendo ele coberta contra o frio.
8  Pelas chuvas das montanhas são molhados e, não tendo refúgio, abraçam-se com as rochas.
9  Ao orfãozinho arrancam dos peitos, e tomam o penhor do pobre.
10  Fazem com que os nus vão sem roupa e aos famintos tiram as espigas.
11  Dentro das suas paredes espremem o azeite; pisam os lagares, e ainda têm sede.
12  Desde as cidades gemem os homens, e a alma dos feridos exclama, e contudo Deus lho não imputa como loucura.
13  Eles estão entre os que se opõem à luz; não conhecem os seus caminhos, e não permanecem nas suas veredas.
14  De madrugada se levanta o homicida, mata o pobre e necessitado, e de noite é como o ladrão.
15  Assim como o olho do adúltero aguarda o crepúsculo, dizendo: Não me verá olho nenhum; e oculta o rosto,
16  Nas trevas minam as casas, que de dia se marcaram; não conhecem a luz.
17  Porque a manhã para todos eles é como sombra de morte; pois, sendo conhecidos, sentem os pavores da sombra da morte.
18  É ligeiro sobre a superfície das águas; maldita é a sua parte sobre a terra; não volta pelo caminho das vinhas.
19  A secura e o calor desfazem as águas da neve; assim desfará a sepultura aos que pecaram.
20  A madre se esquecerá dele, os vermes o comerão gostosamente; nunca mais haverá lembrança dele; e a iniqüidade se quebrará como uma árvore.
21  Aflige à estéril que não dá à luz, e à viúva não faz bem.
22  Até aos poderosos arrasta com a sua força; se ele se levanta, não há vida segura.
23  Se Deus lhes dá descanso, estribam-se nisso; seus olhos porém estão nos caminhos deles.
24  Por um pouco se exaltam, e logo desaparecem; são abatidos, encerrados como todos os demais; e cortados como as cabeças das espigas.
25  Se agora não é assim, quem me desmentirá e desfará as minhas razões?
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

Cartas ás sete igreja da Ásia. Primeira carta, à igreja de Éfeso...

Apocalipse 2:1 a 7
Cartas ás sete igreja da Ásia. Primeira carta, à igreja de Éfeso
1  ESCREVE ao anjo da igreja que está em Éfeso: Isto diz aquele que tem na sua destra as sete estrelas, que anda no meio dos sete castiçais de ouro:
2  Conheço as tuas obras, e o teu trabalho, e a tua paciência, e que não podes sofrer os maus; e puseste à prova os que dizem ser apóstolos, e o não são, e tu os achaste mentirosos.
3  E sofreste, e tens paciência; e trabalhaste pelo meu nome, e não te cansaste.
4  Tenho, porém, contra ti que deixaste o teu primeiro amor.
5  Lembra-te, pois, de onde caíste, e arrepende-te, e pratica as primeiras obras; quando não, brevemente a ti virei, e tirarei do seu lugar o teu castiçal, se não te arrependeres.
6  Tens, porém, isto: que odeias as obras dos nicolaítas, as quais eu também odeio.
7  Quem tem ouvidos, ouça o que o Espírito diz às igrejas: Ao que vencer, dar-lhe-ei a comer da árvore da vida, que está no meio do paraíso de Deus.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

quarta-feira, 23 de novembro de 2016

Jó deseja apresentar-se perante Deus e confia na sua misericórdia...

Jó 23:1 a 17
Jó deseja apresentar-se perante Deus e confia na sua misericórdia
1  RESPONDEU, porém, Jó, dizendo:
2  Ainda hoje a minha queixa está em amargura; a minha mão pesa sobre meu gemido.
3  Ah, se eu soubesse onde o poderia achar! Então me chegaria ao seu tribunal.
4  Exporia ante ele a minha causa, e a minha boca encheria de argumentos.
5  Saberia as palavras com que ele me responderia, e entenderia o que me dissesse.
6  Porventura segundo a grandeza de seu poder contenderia comigo? Não: ele antes me atenderia.
7  Ali o reto pleitearia com ele, e eu me livraria para sempre do meu Juiz.
8  Eis que se me adianto, ali não está; se torno para trás, não o percebo.
9  Se opera à esquerda, não o vejo; se se encobre à direita, não o diviso.
10  Porém ele sabe o meu caminho; provando-me ele, sairei como o ouro.
11  Nas suas pisadas os meus pés se afirmaram; guardei o seu caminho, e não me desviei dele.
12  Do preceito de seus lábios nunca me apartei, e as palavras da sua boca guardei mais do que a minha porção.
13  Mas, se ele resolveu alguma coisa, quem então o desviará? O que a sua alma quiser, isso fará.
14  Porque cumprirá o que está ordenado a meu respeito, e muitas coisas como estas ainda tem consigo.
15  Por isso me perturbo perante ele, e quando isto considero, temo-me dele.
16  Porque Deus macerou o meu coração, e o Todo-Poderoso me perturbou.
17  Porquanto não fui desarraigado por causa das trevas, e nem encobriu o meu rosto com a escuridão.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

Jesus aparece a João na ilha de Patmos. Ordena-lhe que escreva o que viu e o participe às sete igrejas as Ásia...

Apocalipse 1:9 a 20
Jesus aparece a João na ilha de Patmos. Ordena-lhe que escreva o que viu e o participe às sete igrejas as Ásia
9  Eu, João, que também sou vosso irmão, e companheiro na aflição, e no reino, e paciência de Jesus Cristo, estava na ilha chamada Patmos, por causa da palavra de Deus, e pelo testemunho de Jesus Cristo.
10  Eu fui arrebatado no Espírito no dia do Senhor, e ouvi detrás de mim uma grande voz, como de trombeta,
11  Que dizia: Eu sou o Alfa e o Ômega, o primeiro e o derradeiro; e o que vês, escreve-o num livro, e envia-o às sete igrejas que estão na Ásia: a Éfeso, e a Esmirna, e a Pérgamo, e a Tiatira, e a Sardes, e a Filadélfia, e a Laodicéia.
12  E virei-me para ver quem falava comigo. E, virando-me, vi sete castiçais de ouro;
13  E no meio dos sete castiçais um semelhante ao Filho do homem, vestido até aos pés de uma roupa comprida, e cingido pelos peitos com um cinto de ouro.
14  E a sua cabeça e cabelos eram brancos como lã branca, como a neve, e os seus olhos como chama de fogo;
15  E os seus pés, semelhantes a latão reluzente, como se tivessem sido refinados numa fornalha, e a sua voz como a voz de muitas águas.
16  E ele tinha na sua destra sete estrelas; e da sua boca saía uma aguda espada de dois fios; e o seu rosto era como o sol, quando na sua força resplandece.
17  E eu, quando vi, caí a seus pés como morto; e ele pôs sobre mim a sua destra, dizendo-me: Não temas; Eu sou o primeiro e o último;
18  E o que vivo e fui morto, mas eis aqui estou vivo para todo o sempre. Amém. E tenho as chaves da morte e do inferno.
19  Escreve as coisas que tens visto, e as que são, e as que depois destas hão de acontecer;
20  O mistério das sete estrelas, que viste na minha destra, e dos sete castiçais de ouro. As sete estrelas são os anjos das sete igrejas, e os sete castiçais, que viste, são as sete igrejas.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

terça-feira, 22 de novembro de 2016

Elifaz acusa Jó de diversos pecados e exorta ao arrependimento...

Jó 22:1 a 30
Elifaz acusa Jó de diversos pecados e exorta ao arrependimento
1  ENTÃO respondeu Elifaz, o temanita, dizendo:
2  Porventura será o homem de algum proveito a Deus? Antes a si mesmo o prudente será proveitoso.
3  Ou tem o Todo-Poderoso prazer em que tu sejas justo, ou algum lucro em que tu faças perfeitos os teus caminhos?
4  Ou te repreende, pelo temor que tem de ti, ou entra contigo em juízo?
5  Porventura não é grande a tua malícia, e sem termo as tuas iniqüidades?
6  Porque sem causa penhoraste a teus irmãos, e aos nus despojaste as vestes.
7  Não deste ao cansado água a beber, e ao faminto retiveste o pão.
8  Mas para o poderoso era a terra, e o homem tido em respeito habitava nela.
9  As viúvas despediste vazias, e os braços dos órfãos foram quebrados.
10  Por isso é que estás cercado de laços, e te perturba um pavor repentino,
11  Ou trevas em que nada vês, e a abundância de águas que te cobre.
12  Porventura Deus não está na altura dos céus? Olha para a altura das estrelas; quão elevadas estão.
13  E dizes: que sabe Deus? Porventura julgará ele através da escuridão?
14  As nuvens são esconderijo para ele, para que não veja; e passeia pelo circuito dos céus.
15  Porventura queres guardar a vereda antiga, que pisaram os homens iníquos?
16  Eles foram arrebatados antes do seu tempo; sobre o seu fundamento um dilúvio se derramou.
17  Diziam a Deus: Retira-te de nós. E: Que foi que o Todo-Poderoso nos fez?
18  Contudo ele encheu de bens as suas casas; mas o conselho dos ímpios esteja longe de mim.
19  Os justos o vêem, e se alegram, e o inocente escarnece deles.
20  Porquanto o nosso adversário não foi destruído, mas o fogo consumiu o que restou deles.
21  Apega-te, pois, a ele, e tem paz, e assim te sobrevirá o bem.
22  Aceita, peço-te, a lei da sua boca, e põe as suas palavras no teu coração.
23  Se te voltares ao Todo-Poderoso, serás edificado; se afastares a iniqüidade da tua tenda,
24  E deitares o teu tesouro no pó, e o ouro de Ofir nas pedras dos ribeiros,
25  Então o Todo-Poderoso será o teu tesouro, e a tua prata acumulada.
26  Porque então te deleitarás no Todo-Poderoso, e levantarás o teu rosto para Deus.
27  Orarás a ele, e ele te ouvirá, e pagarás os teus votos.
28  Determinarás tu algum negócio, e ser-te-á firme, e a luz brilhará em teus caminhos.
29  Quando te abaterem, então tu dirás: Haja exaltação! E Deus salvará ao humilde.
30  E livrará até ao que não é inocente; porque será libertado pela pureza de tuas mãos.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

Dedicação às sete igrejas da Ásia...

Apocalipse 1:4 a 8
Dedicação às sete igrejas da Ásia
4  João, às sete igrejas que estão na Ásia: Graça e paz seja convosco da parte daquele que é, e que era, e que há de vir, e da dos sete espíritos que estão diante do seu trono;
5  E da parte de Jesus Cristo, que é a fiel testemunha, o primogênito dentre os mortos e o príncipe dos reis da terra. Àquele que nos amou, e em seu sangue nos lavou dos nossos pecados,
6  E nos fez reis e sacerdotes para Deus e seu Pai; a ele glória e poder para todo o sempre. Amém.
7  Eis que vem com as nuvens, e todo o olho o verá, até os mesmos que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém.
8  Eu sou o Alfa e o Ômega, o princípio e o fim, diz o Senhor, que é, e que era, e que há de vir, o Todo-Poderoso.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

segunda-feira, 21 de novembro de 2016

Jó mostra que os ímpios muitas vezes gozam prosperidade nesta vida...


Jó 21:1 a 34

Jó mostra que os ímpios muitas vezes gozam prosperidade nesta vida
1  RESPONDEU, porém, Jó, dizendo:
2  Ouvi atentamente as minhas razões; e isto vos sirva de consolação.
3  Sofrei-me, e eu falarei; e havendo eu falado, zombai.
4  Porventura eu me queixo de algum homem? Porém, ainda que assim fosse, por que não se angustiaria o meu espírito?
5  Olhai para mim, e pasmai; e ponde a mão sobre a boca.
6  Porque, quando me lembro disto me perturbo, e a minha carne é sobressaltada de horror.
7  Por que razão vivem os ímpios, envelhecem, e ainda se robustecem em poder?
8  A sua descendência se estabelece com eles perante a sua face; e os seus renovos perante os seus olhos.
9  As suas casas têm paz, sem temor; e a vara de Deus não está sobre eles.
10  O seu touro gera, e não falha; pare a sua vaca, e não aborta.
11  Fazem sair as suas crianças, como a um rebanho, e seus filhos andam saltando.
12  Levantam a voz, ao som do tamboril e da harpa, e alegram-se ao som do órgão.
13  Na prosperidade gastam os seus dias, e num momento descem à sepultura.
14  E, todavia, dizem a Deus: Retira-te de nós; porque não desejamos ter conhecimento dos teus caminhos.
15  Quem é o Todo-Poderoso, para que nós o sirvamos? E que nos aproveitará que lhe façamos orações?
16  Vede, porém, que a prosperidade não está nas mãos deles; esteja longe de mim o conselho dos ímpios!
17  Quantas vezes sucede que se apaga a lâmpada dos ímpios, e lhes sobrevém a sua destruição? E Deus na sua ira lhes reparte dores!
18  Porque são como a palha diante do vento, e como a pragana, que arrebata o redemoinho.
19  Deus guarda a sua violência para seus filhos, e dá-lhe o pago, para que o conheça.
20  Seus olhos verão a sua ruína, e ele beberá do furor do Todo-Poderoso.
21  Por que, que prazer teria na sua casa, depois de morto, cortando-se-lhe o número dos seus meses?
22  Porventura a Deus se ensinaria ciência, a ele que julga os excelsos?
23  Um morre na força da sua plenitude, estando inteiramente sossegado e tranqüilo.
24  Com seus baldes cheios de leite, e a medula dos seus ossos um
edecida.
25  E outro, ao contrário, morre na amargura do seu coração, não havendo provado do bem.
26  Juntamente jazem no pó, e os vermes os cobrem.
27  Eis que conheço bem os vossos pensamentos; e os maus intentos com que injustamente me fazeis violência.
28  Porque direis: Onde está a casa do príncipe, e onde a tenda em que moravam os ímpios?
29  Porventura não perguntastes aos que passam pelo caminho, e não conheceis os seus sinais,
30  Que o mau é preservado para o dia da destruição; e arrebatado no dia do furor?
31  Quem acusará diante dele o seu caminho, e quem lhe dará o pago do que faz?
32  Finalmente é levado à sepultura, e vigiam-lhe o túmulo.
33  Os torrões do vale lhe são doces, e o seguirão todos os homens; e adiante dele foram inumeráveis.
34  Como, pois, me consolais com vaidade? Pois nas vossas respostas ainda resta a transgressão.
http://vivendooamoraoproximo.blogspot.com.br

O título e assunto do livro...

Apocalipse 1:1 a 3
O título e assunto do livro
1  REVELAÇÃO de Jesus Cristo, a qual Deus lhe deu, para mostrar aos seus servos as coisas que brevemente devem acontecer; e pelo seu anjo as enviou, e as notificou a João seu servo;
2  O qual testificou da palavra de Deus, e do testemunho de Jesus Cristo, e de tudo o que tem visto.
3  Bem-aventurado aquele que lê, e os que ouvem as palavras desta profecia, e guardam as coisas que nela estão escritas; porque o tempo está próximo.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

sexta-feira, 18 de novembro de 2016

Zofar descreve as calamidades que os ímpios sofrem...

Jó 20:1 a 29
Zofar descreve as calamidades que os ímpios sofrem
1  ENTÃO respondeu Zofar, o naamatita, e disse:
2  Visto que os meus pensamentos me fazem responder, eu me apresso.
3  Eu ouvi a repreensão, que me envergonha, mas o espírito do meu entendimento responderá por mim.
4  Porventura não sabes tu que desde a antiguidade, desde que o homem foi posto sobre a terra,
5  O júbilo dos ímpios é breve, e a alegria dos hipócritas momentânea?
6  Ainda que a sua altivez suba até ao céu, e a sua cabeça chegue até às nuvens.
7  Contudo, como o seu próprio esterco, perecerá para sempre; e os que o viam dirão: Onde está?
8  Como um sonho voará, e não será achado, e será afugentado como uma visão da noite.
9  O olho, que já o viu, jamais o verá, nem o seu lugar o verá mais.
10  Os seus filhos procurarão agradar aos pobres, e as suas mãos restituirão os seus bens.
11  Os seus ossos estão cheios do vigor da sua mocidade, mas este se deitará com ele no pó.
12  Ainda que o mal lhe seja doce na boca, e ele o esconda debaixo da sua língua,
13  E o guarde, e não o deixe, antes o retenha no seu paladar,
14  Contudo a sua comida se mudará nas suas entranhas; fel de áspides será interiormente.
15  Engoliu riquezas, porém vomitá-las-á; do seu ventre Deus as lançará.
16  Veneno de áspides sorverá; língua de víbora o matará.
17  Não verá as correntes, os rios e os ribeiros de mel e manteiga.
18  Restituirá o seu trabalho, e não o engolirá; conforme ao poder de sua mudança, e não saltará de gozo.
19  Porquanto oprimiu e desamparou os pobres, e roubou a casa que não edificou.
20  Porquanto não sentiu sossego no seu ventre; nada salvará das coisas por ele desejadas.
21  Nada lhe sobejará do que coma; por isso as suas riquezas não durarão.
22  Sendo plena a sua abastança, estará angustiado; toda a força da miséria virá sobre ele.
23  Mesmo estando ele a encher a sua barriga, Deus mandará sobre ele o ardor da sua ira, e a fará chover sobre ele quando for comer.
24  Ainda que fuja das armas de ferro, o arco de bronze o atravessará.
25  Desembainhará a espada que sairá do seu corpo, e resplandecendo virá do seu fel; e haverá sobre ele assombros.
26  Toda a escuridão se ocultará nos seus esconderijos; um fogo não assoprado o consumirá, irá mal com o que ficar na sua tenda.
27  Os céus manifestarão a sua iniqüidade; e a terra se levantará contra ele.
28  As riquezas de sua casa serão transportadas; no dia da sua ira todas se derramarão.
29  Esta, da parte de Deus, é a porção do homem ímpio; esta é a herança que Deus lhe decretou.
http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

Benvindo ao blog Boas Novas!

Fique em sintonia com a Palavra de Deus. Medite, ore por esse blog. Deus te abençoe ricamente!



ISAÍAS 61:1...1 O Espírito do Senhor Deus está sobre mim, porque o Senhor me ungiu para pregar boas-novas aos mansos; enviou-me a restaurar os contritos de coração, a proclamar liberdade aos cativos, e a abertura de prisão aos presos...

Pastor Antonio José pregando!

Loading...

A nova vida debaixo da graça...

Romanos 8:1,11,14 a 18,21,26,28 a 39

1 Portanto, agora nenhuma condenação há para os que estão em Cristo Jesus.

11 E, se o Espírito daquele que dos mortos ressuscitou a Jesus habita em vós, aquele que dos mortos ressuscitou a Cristo Jesus há de vivificar também os vossos corpos mortais, pelo seu Espírito que em vós habita.

14 Pois todos os que são guiados pelo Espírito de Deus, esses são filhos de Deus.

15 Porque não recebestes o espírito de escravidão, para outra vez estardes com temor, mas recebestes o espírito de adoção, pelo qual clamamos: Aba, Pai!

16 O Espírito mesmo testifica com o nosso espírito que somos filhos de Deus;

17 e, se filhos, também herdeiros, herdeiros de Deus e co-herdeiros de Cristo; se é certo que com ele padecemos, para que também com ele sejamos glorificados.

18 Pois tenho para mim que as aflições deste tempo presente não se podem comparar com a glória que em nós há de ser revelada.


21 na esperança de que também a própria criação há de ser liberta do cativeiro da corrupção, para a liberdade da glória dos filhos de Deus.

26 Do mesmo modo também o Espírito nos ajuda na fraqueza; porque não sabemos o que havemos de pedir como convém, mas o Espírito mesmo intercede por nós com gemidos inexprimíveis.

28 E sabemos que todas as coisas concorrem para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito.

29 Porque os que dantes conheceu, também os predestinou para serem conformes à imagem de seu Filho, a fim de que ele seja o primogênito entre muitos irmãos;

30 e aos que predestinou, a estes também chamou; e aos que chamou, a estes também justificou; e aos que justificou, a estes também glorificou.

31 Que diremos, pois, a estas coisas? Se Deus é por nós, quem será contra nós?

32 Aquele que nem mesmo a seu próprio Filho poupou, antes o entregou por todos nós, como não nos dará também com ele todas as coisas?

33 Quem intentará acusação contra os escolhidos de Deus? É Deus quem os justifica;

34 Quem os condenará? Cristo Jesus é quem morreu, ou antes quem ressurgiu dentre os mortos, o qual está à direita de Deus, e também intercede por nós;

35 quem nos separará do amor de Cristo? a tribulação, ou a angústia, ou a perseguição, ou a fome, ou a nudez, ou o perigo, ou a espada?

36 Como está escrito: Por amor de ti somos entregues à morte o dia todo; fomos considerados como ovelhas para o matadouro.

37 Mas em todas estas coisas somos mais que vencedores, por aquele que nos amou.

38 Porque estou certo de que, nem a morte, nem a vida, nem anjos, nem principados, nem coisas presentes, nem futuras, nem potestades,

39 nem a altura, nem a profundidade, nem qualquer outra criatura nos poderá separar do amor de Deus, que está em Cristo Jesus nosso Senhor.


A justificação do novo homem em Jesus Cristo!

Gálatas 2:16,17,20

16 sabendo, contudo, que o homem não é justificado por obras da lei, mas sim, pela fé em Cristo Jesus, temos também crido em Cristo Jesus para sermos justificados pela fé em Cristo, e não por obras da lei; pois por obras da lei nenhuma carne será justificada.

17 Mas se, procurando ser justificados em Cristo, fomos nós mesmos também achados pecadores, é porventura Cristo ministro do pecado? De modo nenhum.


20 Já estou crucificado com Cristo; e vivo, não mais eu, mas Cristo vive em mim; e a vida que agora vivo na carne, vivo-a na fé no filho de Deus, o qual me amou, e se entregou a si mesmo por mim.


http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/

O GRANDE JUÍZO DE NOSSAS PALAVRAS...

Eclesiastes 12:13 e 14
13 Este é o fim do discurso; tudo já foi ouvido: Teme a Deus, e guarda os seus mandamentos; porque isto é todo o dever do homem.

14 Porque Deus há de trazer a juízo toda obra, e até tudo o que está encoberto, quer seja bom, quer seja mau.

Tiago 1:22 e 23,27
22 E sede cumpridores da palavra e não somente ouvintes, enganando-vos a vós mesmos.

23 Pois se alguém é ouvinte da palavra e não cumpridor, é semelhante a um homem que contempla no espelho o seu rosto natural;


27 A religião pura e imaculada diante de nosso Deus e Pai é esta: Visitar os órfãos e as viúvas nas suas aflições e guardar-se isento da corrupção do mundo.

Tiago 3:2,5 e 6,8 e9

2 Todos tropeçamos em muitas coisas. Se alguém não tropeça em palavra, esse é homem perfeito, e capaz de refrear também todo o corpo.

5 Assim também a língua é um pequeno membro, e se gaba de grandes coisas. Vede quão grande bosque um tão pequeno fogo incendeia.

6 A língua também é um fogo; sim, a língua, qual mundo de iniqüidade, colocada entre os nossos membros, contamina todo o corpo, e inflama o curso da natureza, sendo por sua vez inflamada pelo inferno.

8 mas a língua, nenhum homem a pode domar. É um mal irrefreável; está cheia de peçonha mortal.

9 Com ela bendizemos ao Senhor e Pai, e com ela amaldiçoamos os homens, feitos à semelhança de Deus.

Tiago 4:7 e8

7 Sujeitai-vos, pois, a Deus; mas resisti ao Diabo, e ele fugirá de vós.

8 Chegai-vos para Deus, e ele se chegará para vós. Limpai as mãos, pecadores; e, vós de espírito vacilante, purificai os corações.

http://oatalaiadosultimosdias.blogspot.com/